Estados Unidos venderão 84 caças à Arábia Saudita

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

As forças armadas dos Estados Unidos venderão cerca de 60 bilhões de dólares em aeronaves de guerra para a Arábia Saudita, anunciou o Departamento de Estado americano nesta quarta-feira (20).

Segundo informações divulgadas pela imprensa americana, seriam vendidos aos sauditas 84 aeronaves do modelo F-15, além da renovação de 79 outros. A venda inclui ainda 70 helicópteros Apache, da Boeing; 36 helicópteros AH-6M Little Birds e 72 helicópteros Black Hawk, da Sikorsky Aircraft, empresa da United Technologies Corp.
.

Segundo Andrew Shapiro, subsecretário de Estado para assuntos político-militares, em coletiva de imprensa, os americanos não preveem reações negativas de Israel, tradicional fornecedor bélico da região.

Shapiro disse ainda que o valor total não excederá 60 bilhões de dólares, e enfatizou que a Arábia Saudita  pode escolher não efetivar todas as opções de compra durante a duração do programa, que tem prazo de 15 a 20 anos. Segundo Shapiro, se o contrato for fechado com estes valores, será a maior venda de armas já realizada pelos Estados Unidos.

O porta-voz do Departamento de Estado, Philip Crowley, justificou em setembro a cooperação militar com Riad pelas "preocupações compreensíveis da Arábia Saudita e outros países sobre a emergência do Irã", país tido como inimigo dos americanos.

A venda foi notificada pelo governo do presidente Barack Obama ao Congresso nesta quarta-feira. Os congressistas ainda podem alterar ou atrasar o acordo.

*Com agências internacionais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos