Topo

Parlamento inglês aprova aumento em taxas de universidades

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

09/12/2010 16h11

O governo inglês venceu a primeira batalha no Parlamento, em Londres, pelo aumento das taxas em universidades. A votação pelo aumento das taxas anuais para até 9 mil libras, em condições excepcionais, terminou 323 a 302, nesta quinta-feira (9).

Agora os parlamentares votam o piso das anuidades dos empréstimos em universidades inglesas. Ele passaria de 3.290 libras (R$ 8,9 mil) para 6 mil libras.

Centenas de manifestantes enfrentaram a polícia em frente ao Parlamento antes da votação que é considerada um teste da força da coalizão do governo. Manifestantes atiraram projéteis e cartazes contra policiais na praça diante do Parlamento. Policiais a cavalo tentaram dispersar a multidão em cenas de caos no centro de Londres.

Cortes

As manifestações universitárias têm sido recorrentes desde que o projeto foi apresentado, no início de novembro, em meio a planos governamentais de cortar em até 40% o orçamento para a educação superior.

O aumento nas taxas de empréstimos universitários valerá exclusivamente para os estudantes na Inglaterra. Estudantes galeses não pagarão taxas mais altas.

Na Escócia, não há empréstimos estudantis, e a Irlanda do Norte ainda não definiu como responderá aos aumentos nas taxas, caso estes sejam aprovados em Londres.

*Com informações da BBC e Reuters

Mais Internacional