Terremoto no Japão

Água de reator de Fukushima tem radiação milhões de vezes maior que o normal

Do UOL Notícias
Em São Paulo

Um nível de radioatividade 10 milhões de vezes maior que o normal foi encontrado neste domingo (27) na água do reator 2 da Usina de Fukushima, no Japão. Por isso as operações foram suspensas e os funcionários evacuados nesta parte da usina.

Segundo um funcionário de Fukushima, o alto nível de radiação na água siginifica que o combustível no núcleo do reator provavelmente sofreu danos durante o começo de fusão que aconteceu logo após o terremoto do dia 11 de março.

“Encontramos nas amostras de água taxas elevadas de césio e de outras substâncias que geralmente não se encontram na água do reator. Existe uma forte possibilidade de as barras de combustíveis terem sido danificadas”, disse.

As autoridades do noroeste da China detectaram a presença de iodo radioativo no ar, mas em quantidade extremamente pequenas que “não requerem medidas de proteção”, segundo o Ministério do Meio Ambiente. Para as autoridades chinesas, o material radioativo é originário do Japão.

Nível de radiação a que estamos expostos e seus efeitos

  • Fonte: The Guardian e Radiologyinfo.org

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos