Topo

Filho de Bin Laden escapou de ação militar que matou o terrorista, diz Paquistão

Reuters/Al-Jazeera TV
Vídeo de 2001 mostra Hamza bin Laden brincando com fuselagem de helicóptero americano destruído em Ghazni, no Afeganistão Imagem: Reuters/Al-Jazeera TV

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

2011-05-10T14:32:27

10/05/2011 14h32

Um dos filhos de Osama bin Laden teria fugido da casa onde o líder da Al Qaeda foi morto há mais de uma semana, em Abbottabad, no Paquistão, e não foi mais visto. A informação é do jornal "Daily Mail", citando declarações do governo paquistanês.

A suspeita é de que seja o filho mais novo do terrorista, Hamza, 19, chamado de "príncipe do terror", mas sua identidade ainda não foi confirmada.

A notícia de que um dos filhos de Bin Laden estaria desaparecido foi dada por oficiais do governo do Paquistão, que em entrevista à ABC News, informaram que uma das mulheres capturadas na operação relatou que não se tem notícias do filho do terrorista que estava na casa desde a ação militar.

Inicialmente, acreditava-se que Hamza havia sido morto na operação, mas o filho que teria sido morto na ação foi identicado como Khalid, segundo o "Daily Mail".

Hamza é filho de Khairiah Sabar, que se casou com Bin Laden em 1985. Ele é acusado de envolvimento no atentado que matou a líder oposicionista paquistanesa Benazir Bhutto, em 2007, e já apareceu em alguns vídeos com o pai.

Em um deles, ele diz: "Estou avisando que o povo da América vai sofrer terríveis consequencias se perseguirem meu pai. Lutar com americanos é a base para a fé".

No terceiro aniversário dos atentados ao metrô de Londres, em julho de 2008, ele apareceu em outro vídeo, pedindo a "destruição dos Estados Unidos, Reino Unido, França e Dinamarca".

Filhos de Bin Laden criticam sepultamento no mar

Os demais filhos de Osama bin Laden ameaçaram levar o presidente americano Barack Obama à justiça como "responsável" pelo destino de seu pai e consideraram "inaceitável" e "humilhante" que seu corpo tenha sido lançado ao mar, em mensagem divulgada nesta terça-feira.

Crianças do Paquistão falam em vingar morte de Bin Laden


"Consideramos o presidente Obama em pessoa legalmente responsável pelo destino de nosso pai, Osama bin Laden", indica a mensagem assinada por Omar bin Osama bin Laden, divulgada online em nome dos irmãos e citado pelo centro americano de vigilância de sites islamitas.

"É humana e religiosamente inaceitável ver uma pessoa desse nível e dessa importância para seus parentes ter seu corpo lançando ao mar de uma forma humilhante para sua família e seus adeptos, e que fere os sentimentos de centenas de milhões de muçulmanos", acrescentou Omar Bin Laden.

"Como filho de Osama Bin Laden, nos reservamos o direito" de levar os responsáveis por "esse crime à justiça americana e internacional para esclarecer a respeito do destino de nosso pai desaparecido", acrescentou.

Mais Internacional