Palavras cruzadas do último "News of the World" fazem referência ao escândalo que fechou o jornal

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

A última edição do "News of the World" trouxe uma série de "indiretas" sobre as denúncias de grampo ilegal que levaram ao fim do jornal, na seção de palavras cruzadas. Um jeito descontraído e irônico de encerrar uma história de 168 anos.

Na página 47, segundo o jornal britânico "The Guardian", algumas das perguntas e dicas sobre as repostas remetiam aos nomes dos envolvidos no escândalo e à situação.

Entre as frases e palavras estavam "mulher observa a calamidade", "mudar para ser mais estúpido", "catástrofe", "mau cheiro", "crime corportativo", entre outros. Já as respostas incluiam palavras como "desastre", "desistência", "deplorou", "fedor", "raquete", "ameaça" e "azedo".

A palavra "Brook", sobrenome de Rebekah Brooks, chefe-executiva da publicação, também apareceu na lista de pistas das respostas.

Outras pistas traziam as seguintes frases: "série de gravações", "mix de prisão" e "vai enfrentar novas medidas de segurança".

A última publicação do tabloide chegou perto de bater um novo recorde de vendas neste domingo. Foram 4,5 milhões de cópias vendidas, contra as 4.543.457, alcançadas em fevereiro de 1998.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos