PUBLICIDADE
Topo

Maduro chega dirigindo ônibus para registrar candidatura à presidência

Maduro acena para eleitores após registrar candidatura no Conselho Nacional Eleitoral - Carlos Garcia Rawlins/Reuters
Maduro acena para eleitores após registrar candidatura no Conselho Nacional Eleitoral Imagem: Carlos Garcia Rawlins/Reuters

Do UOL, em São Paulo

11/03/2013 15h08

O presidente interino da Venezuela, Nicolás Maduro, chegou dirigindo um ônibus ao CNE (Conselho Nacional Eleitoral), onde apresentou, nesta segunda-feira (14), sua candidatura ao pleito de 14 de abril, segundo o venezuelano "Últimas Notícias".

Ex-motorista de ônibus, Maduro se comprometeu a realizar uma campanha eleitoral marcada por "paz e coexistência entre os venezuelanos".

"Venho aqui entregar o mesmo programa que entregou Chávez. Peço a Deus para me dar forças e me permita cumprir a ordem que ele (Chávez) me instruiu naquela noite de 8 de dezembro de 2012", foram as primeiras palavras de Maduro.

Maduro afirmou não ser Chávez, mas sim seu filho, em alusão ao slogan presidencial do líder bolivariano "Yo soy Chávez".

Milhares de partidários de Chávez se reuniram na praça Ibarra Diego, no centro da capital Caracas, para apoiar o sucessor de Hugo Chávez.

"Com Chávez e Maduro o povo está seguro", gritaram os eleitores de Maduro.

Internacional