Após acusação chinesa, Taiwan publica "prova de vida" de panda

Do UOL, em São Paulo

  • Taipei Zoo/AP

Após sites chineses espalharem que o panda Tuan Tuan havia morrido de cinomose, o diretor do zoológico de Taipé, em Taiwan, não hesitou: publicou fotos do animal junto de capas de jornais recentes para provar que ele estava vivo, como nos filmes de sequestro.

Em nota publicada junto com a foto, o diretor do zoológico, Chin Shih-chien disse a parceira do panda, Yuan Yuan, e o filhote do casal, Yuan Zai , estão todos bem.

"Convido todos a visitá-los no zoológico", disse. 

Os pandas foram dados de presente por Pequim a Taiwan em dezembro de 2008, após a eleição do líder pró-chinês Ma Ying-jeou. Combinados, os nomes Tuan Tuan e Yuan Yuan significam "reunião".  (Com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos