Colisão entre destróier dos EUA e cargueiro no Japão deixa sete desaparecidos

Do UOL, em São Paulo

  • Mass Communication Specialist 3rd Class Kelsey L. Adams/US Navy via AP

Um destróier dos Estados Unidos e um navio mercante de bandeira filipina colidiram em frente à costa sul do Japão, deixando sete desaparecidos entre a tripulação americana, informou nesta sexta-feira (16) a Guarda Costeira japonesa.

A Marinha americana comunicou que um marinheiro foi retirado de helicóptero, dando a entender que requeria tratamento médico urgente.

A colisão entre o destróier USS Fitzgerald e o mercante ACX Crystal ocorreu a 56 milhas de Yokosuka, Japão, por volta das 02h30 da madrugada de sábado, hora local (12h30 de sexta-feira, hora de Brasília), quando o destróier se encontrava 56 milhas náuticas a sudoeste da cidade japonesa de Yokosuka.

Navios da Guarda Costeira japonesa, o destróier USS Dewey, equipes médicas e dois rebocadores da Marinha americana foram enviados ao local da colisão.

Um vídeo da NHK News mostra o casco do Fitzgerald, logo à frente da ponte, severamente danificado, e segundo a CNN o navio está fazendo água.

"O USS Fitzgerald teve o casco danificado acima e abaixo da linha d'água", precisou um comunicado da Frota do Pacífico.

O destróier segue funcionando com seu próprio motor, "mas sua propulsão é limitada".

O navio de 154 metros está baseado em Yokosuka, ao sul de Yokohama e Tóquio, e opera no Pacífico.

O ACX Crystal seguia para Tóquio no momento do acidente. (Com AFP)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos