Paramédicos "abandonam" trabalho para ajudar idosa de 98 anos a cortar grama

Colaboração para o UOL

  • Reprodução

    Paramédicos pausam trabalho para ajudar senhora de 98 anos a cortar grama

    Paramédicos pausam trabalho para ajudar senhora de 98 anos a cortar grama

"Nosso trabalho é ajudar as pessoas e isso é o que gostamos de fazer. É para isso que somos chamados a fazer e é isso que nós fazemos." A declaração dada pelo paramédico Matt Linda explica a decisão dele e de seu parceiro, Kent Haney, de parar para ajudar uma senhora de 98 anos que estava cortando a grama sozinha durante uma tarde de calor na última quarta-feira, nos Estados Unidos.

Eles estavam trabalhando para o Centro de Medicina do Leste do Texas, em Waco, quando, num momento sem chamadas, viram Margaret Durham sozinha no jardim com o cortador de gramas. Junto com mais um colega, decidiram dar meia volta e ajudar a senhora de 98 a completar o serviço.

"Ela é idosa e parecia exausta", disse Haney ao canal de televisão KWTX. "Ela estava numa área inclinada do quintal. Possivelmente poderia cair, perder o controle do cortador de grama e se ferir", argumentou.

Durham os agradeceu com um forte abraço. "Ela nos disse que fomos anjos enviados do céu", completou Linda, também ao KWTX.

Dashlin James, vizinho de Durham, foi quem tirou a foto que viralizou e chamou a atenção da reportagem. Segundo ele, só queria mostrar que, além de salvar vidas, os paramédicos também ajudam. "Quando eles não estão salvando vidas, estão ajudando a comunidade. É definitivamente um ato de bondade", comentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos