Mãe se surpreende ao saber que filho capturado em 2014 pelo Estado Islâmico está vivo

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/CBC/Facebook

Uma mulher refugiada que está em Winnipeg (Canadá) foi surpreendida com a notícia positiva de que seu filho está vivo após ser resgatado do Estado Islâmico pelo Exército do Iraque. Nofa Zaghla, do norte do Iraque, disse que sua família foi separada em agosto de 2014, quando alguns deles foram capturados pelo Estado Islâmico.

Ela foi para o Canadá cinco meses atrás, com quatro dos seis filhos. Dias atrás, recebeu uma ligação de um parente no Iraque que disse que o filho Emad Mishko Tamo está vivo após ser resgatado pelo exército das mãos dos extremistas islâmicos.

"Devido ao fato de que o Estado Islâmico é tão malvado, tortura garotos e mata todo mundo que não faz o que eles mandam, a gente não pensou que poderia [vê-lo] de novo", disse para o CBC News, fazendo ainda um apelo para o governo canadense tentar levar o filho para lá.

No domingo, o cunhado de Nofa viu uma foto do garoto nas redes sociais. Ela disse que o exército iraquiano tirou fotos dele após ele ser resgatado, e postou as imagens na esperança de encontrar parentes.

Reprodução/CBC

"Fique muito triste quando eu vi essa foto", disse ela ao ver seu filho coberto de sujeira. "Eu falei com ele no telefone e ele me disse que vai ficar bem".

Nofa disse que seu filho foi tratado por um ferimento de bala no braço e lesões estomacais. Agora ele está hospedado com seu tio em um campo de refugiados, mas ela espera ajuda do governo canadense para tirar seu filho do local o mais rápido possível.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos