Alemã que se uniu ao Estado Islâmico faz pedido emocionado: "quero ir para casa"

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/Twitter Vian Dakhil

    Linda Wenzel fugiu para a Síria em 2016

    Linda Wenzel fugiu para a Síria em 2016

Nesta segunda-feira (24), militares iraquianos capturaram uma jovem alemã enquanto realizavam uma incursão na cidade de Mossul. Linda Wenzel, de apenas 16 anos, fugiu de casa há cerca de um ano para se juntar ao Estado Islâmico (EI). A jovem pode acabar enfrentando uma séria punição na Justiça por sua associação ao grupo extremista, mas só tem um objetivo em mente: voltar para a Alemanha.

Linda fez pedido emocionado às autoridades do Iraque: "eu quero ir para casa e ver minha família. Só quero ir embora, não quero mais fazer parte desta guerra e nem ficar perto dessas armas e de todo esse barulho", disse ela, em entrevista concedida ao jornal alemão "Süddeutsche Zeitung". A jovem está em uma base militar iraquiana, onde é mantida desde sua captura.

Natural de Pulsnitz, cidade que fica próxima a Dresden, Linda fugiu de casa no ano passado, após dizer aos familiares que dormiria na casa de uma amiga. Ela então utilizou dados bancários falsos para comprar uma passagem de avião para Istambul, na Turquia, de onde viajou a pé até a Síria para se juntar ao EI.

Após sua chegada, ela teria se casado com um dos integrantes do grupo rebelde e até participado de algumas ações, atuando como atiradora para o jihad. Capturada, Linda deve agora enfrentar um julgamento, onde pode receber uma sentença de três anos e meio por ter atravessado ilegalmente a fronteira com a Síria, além de outras punições por seus atos com o grupo extremista.

Familiares aliviados

Irmã de Linda, e a última pessoa com quem ela conversou antes de desaparecer, Miriam Wenzel disse que os familiares estão preocupados com a situação, principalmente com uma possível sentença que a mande para a prisão, mas que ficaram felizes por saber que ela está viva.

"Logo que vi as fotos na internet, eu a reconheci. Estou satisfeita que ela está bem. Outras famílias talvez não tivessem a mesma sorte. Agora, só quero que ela volte para casa, isso para mim está em primeiro plano. Outras coisas não passam pela minha cabeça no momento", afirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos