Família morre após cair em cratera de vulcão na Itália

Colaboração para o UOL

  • Ciro Fusco/ANSA via AP

    Três pessoas morreram em Nápoles, na Itália, ao caírem em cratera do vulcão Solfatara

    Três pessoas morreram em Nápoles, na Itália, ao caírem em cratera do vulcão Solfatara

Um casal e um de seus filhos morreram nesta terça-feira (12) depois de caírem em uma cratera vulcânica em Solfatara, no sul da Itália. A polícia italiana acredita que a criança invadiu uma área proibida antes de a tragédia acontecer.

As autoridades trabalham com a hipótese de que os pais foram ao local para tentar resgatar o menino de 11 anos. Com isso, a base da cratera cedeu, causando uma queda de 1,5 metro. A causa das mortes também não é conhecida, mas a polícia acredita que os gases expelidos pelo buraco foram os responsáveis. O outro filho do casal, de 7, não entrou na área de perigo e passa bem.

"Eu vi uma criança correr chorando, não pensei estar enfrentando a pior tragédia da minha vida, também sou pai", disse Diego Vitagliano, que estava fazendo trabalho de vigia no local turístico.

"Eu estava a trabalho, juntamente com outros visitantes. Percebemos que algo aconteceu e nos aproximamos da cratera. Não imaginei o que eu veria. Foi uma tragédia, eles tiraram dois corpos e depois nos afastaram. Continuo pensando nessa família e naquele pobre bebê chorando e pedindo ajuda", relatou Vitagliano ao jornal "La Repubblica". O jornal também cita um dos médicos que este no local para fazer o atendimento: "A ambulância chegou imediatamente, mas não conseguimos fazer nada".

A família de italianos é de Turim, no norte do país, e estava no local a turismo. Dentro dos limites do município de Pozzuoli, o vulcão de Solfatara é um dos muitos que existem na região ao oeste de Nápoles e entrou em erupção pela última vez em 1198. Apesar de estar inativo, ele é conhecido por emitir vapor e gases sulfúricos.

"Estou chocado com o que aconteceu, profunda dor pela tragédia envolvendo três turistas e eu expresso o pesar da comunidade de Pozzuoli para com a família das vítimas", disse o prefeito da cidade, Vincenzo Figliolia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos