Consulados italianos no Brasil recebem verba para agilizar fila de pedidos de cidadania

Do UOL, em São Paulo

  • marcociannarel/iStock

Os Consulados da Itália em São Paulo e em Porto Alegre receberão R$ 3 milhões para tentar reduzir a fila de espera para o reconhecimento da cidadania italiana. Atualmente, mais de 112 mil brasileiros aguardam o procedimento -- 70 mil em São Paulo.

A demora no atendimento consular, especialmente no reconhecimento da cidadania italiana, é uma das principais reclamações de quem busca assistência. A confirmação da verba foi feita pelo deputado Fabio Porta, presidente do Comitê para os Italianos no Mundo da Câmara dos Deputados.

A verba deve ser investida na contratação de pessoal. "Temos uma realidade de milhões de ítalo-descendentes desejosos de serem reconhecidos como italianos. São pessoas que, mais do que vestir a camisa, trazem esta ligação no sangue. E, além disso, se caracterizam como alternativa de inserção mercadológica do 'made in Italy' em todo o mundo. É justo e digno este reconhecimento! Esta fila tem de acabar!", afirmou o senador Fausto Longo, ítalo-brasileiro que assumiu uma cadeira no Senado Italiano em 2013.

."Ao mesmo tempo em que essa notícia nos dá a sensação de missão cumprida, também nos motiva a continuar trabalhando de maneira consciente para deixar a Itália ao alcance de todos os ítalo-descendentes, sempre lhes lembrando da responsabilidade de ser cidadão italiano. Vamos em frente", disse o senador.

Desde 2014, é cobrada uma taxa de 300 euros pelo processo de cidadania nos consulados, segundo que 30% do valor seria revertido para melhorias que agilizariam os processos. Mas, até agora, nenhuma verba tinha sido repassada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos