Em carta, Kim Jong-un pede segunda reunião com Trump, diz Casa Branca

Do UOL

  • Getty Images

    Kim Jong-un e Donald Trump durante ruenião histórica de 12 de junho

    Kim Jong-un e Donald Trump durante ruenião histórica de 12 de junho

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recebeu uma carta do ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, pedindo por uma segunda reunião, informou nesta segunda-feira (10) a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders. Segundo ela, a Casa Branca já trabalha para agendar o encontro.

No dia 12 de junho, os dois líderes se reuniram em Singapura para discutir, entre outros assuntos, a desnuclearização da península coreana. No entanto, o encontro tem sido criticado por não ter estabelecido em termos concretos as condições dessa desnuclearização.

Na sexta-feira (7), Trump havia informado a repórteres que uma carta pessoal de Kim Jong-un estava a caminho. "Foi uma carta calorosa e positiva", disse Sanders.

"O objetivo principal da carta era solicitar e buscar agendar outra reunião com o presidente à qual estamos abertos e já estamos no processo de coordenação", disse. Segundo ela, a carta mostra "um compromisso contínuo de se concentrar na desnuclearização da península".

(Com Reuters)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos