PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump declara emergência nacional para construção do muro com o México

Carlos Barria/Reuters
Imagem: Carlos Barria/Reuters

Do UOL, em São Paulo

15/02/2019 14h23

Resumo da notícia

  • O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou hoje emergência nacional para construir um muro na fronteira com o México
  • Segundo ele, apenas o muro poderia conter o que ele chama de uma "invasão de criminosos" no país
  • Ontem, o Congresso americano aprovou uma legislação para manter o financiamento do governo, mas sem recursos para o muro
  • A emergência nacional permite a Trump movimentar os recursos destinados a outros propósitos para a obra na fronteira
  • Democratas devem se opor à declaração como uma tentativa inconstitucional para a construção

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, declarou hoje emergência nacional para garantir o financiamento necessário para a construção do muro na fronteira do país com o México. Em discurso na Casa Branca, ele afirmou precisar do muro para conter o que ele chamou de "invasão de criminosos" e garantir a segurança do país.

"Queremos segurança na fronteira porque temos um tremendo problema com drogas e gangues entrando pela fronteira", declarou. "Traficantes não poderão entrar, fazer tráfico humano de mulheres e meninas porque teremos pessoas competentes na fronteira. Eles [os ilegais] irão para áreas onde não tem muros".

Assistindo ao discurso estavam pessoas que, segundo Trump, tiveram familiares assassinados por imigrantes ilegais.

"Vou assinar uma emergência nacional, e ela já foi assinada muitas vezes antes. Ela foi assinada por outros presidentes em 1977, o que deu aos presidentes o poder", disse Trump.

"Raramente há um problema. Eles assinam, ninguém se importa. Acho que não foram muito empolgantes".

Democratas devem se opor

Uma emergência nacional, se não for impedida por tribunais ou pelo Congresso, permitirá a Trump utilizar fundos que parlamentares tinham aprovado para outros propósitos, que não um muro na fronteira.

O governo identificou 8 bilhões de dólares em fundos que o presidente Trump poderá destinar para o pagamento do muro na fronteira com o México sob uma emergência nacional, disse uma importante autoridade da Casa Branca.

Além dos 1,38 bilhão de dólares da lei de financiamento bipartidária, o governo usará fundos de outras partes do governo, incluindo o Departamento do Tesouro e da Defesa, disse o chefe de gabinete da Casa Branca, Mick Mulvaney, a repórteres.

A expectativa é que democratas se oponham à declaração de emergência nacional de Trump como uma tentativa inconstitucional de pagar pelo muro sem passar por aprovação do Congresso.

(Com Reuters)

Internacional