Topo

Pai morre semanas após a filha ser morta em casa pela polícia nos EUA

14.out.2019 - Atatiana Jefferson tinha 28 anos - Reprodução
14.out.2019 - Atatiana Jefferson tinha 28 anos Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

11/11/2019 09h58

Marquis A. Jefferson morreu menos de um mês depois que sua única filha Atatiana Jefferson foi morta a tiros por um policial em sua casa em Fort Worth, no Texas. De acordo com a CNN, Jefferson sofreu uma parada cardíaca e foi levado ao hospital em Dallas na última sexta-feira (8), mas não resistiu.

"Ele acabou sucumbindo, nunca se recuperou do processo de luto", disse Bruce Carter, um porta-voz da família.

Em 12 de outubro, Atatiana, que tinha 28 anos, estava jogando videogame com o sobrinho quando dois policiais entraram em sua casa. Um vizinho telefonou para a emergência depois de ver as portas da casa abertas e estranhar a situação.

Enquanto os policiais andavam pela casa no escuro, Atatiana ouviu um barulho no quintal, tirou uma arma da bolsa e apontou para a janela, de acordo com a polícia. Um oficial gritou pedindo que ela colocasse as mãos para cima antes de atirar contra a janela, matando a jovem.

Nenhum dos oficiais se identificou para ela como sendo policiais. Aaron Dean, responsável pelo disparo, deixou a corporação e foi acusado de homicídio.

Internacional