PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Seu maior medo virou realidade ao ter uma convulsão no próprio casamento

Getty Images
Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

26/09/2020 18h47

Hayley Smith adiou o casamento com Matthew Hale, pai de suas duas filhas, por quase uma década. Seu maior medo era que suas convulsões diárias fossem atrapalhar a cerimônia. E o pior realmente aconteceu.

Ela contou a sua história de luta e de superação ao Triangle News.

"Eu cheguei até Matthew [no casamento] e fiquei tão aliviada por ter caminhado até o altar, todos choravam. Eu estava tão feliz que minha barriga começou a esquentar e me senti zonza, e então eu apaguei."

Hayley contou que teve o ataque pelo estresse e ainda se lembra quando acordou e viu o marido a segurando nos braços. No fim, todos se divertiram — até ela.

"Lembro dele gritando para avisar a todos que eu estava bem. E eles riram."

Ela decidiu casar com Matthew quase nove meses após se curar do câncer de mama.

A britânica foi submetida a duas mastectomias e quimioterapia. Enquanto isso, ela também sofria dezenas de convulsões por dia.

Hailey afirmou que quis contar o que houve para que todos saibam como ela é forte. "Eu quis mostrar aos nossos filhos que nada vai me impedir, e eles ficaram muito orgulhosos de mim."

Internacional