PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Mulher que mordeu testículos do namorado antes de matá-lo é condenada

Cordelia e Wayne mantinham relação com histórico de violência - Reprodução
Cordelia e Wayne mantinham relação com histórico de violência Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

22/10/2020 16h20

Uma mulher de 38 anos que matou o namorado esfaqueado foi condenada a 10 anos de prisão na Inglaterra. A assassina, Cordelia Farrell, e a vítima, Wayne Coventry, de 36 anos, tinham um histórico de violência e ocorrências policiais na relação, com a mulher tendo sido presa previamente por morder os testículos do namorado.

Wayne, que era pai de três crianças, foi encontrado morto na casa do irmão dele, em Bromsgrove Worcs, no dia 14 de outubro de 2019, após uma discussão com Cordelia. Ela fugiu da cena do crime, dando início a uma caçada policial que só terminou quando a mulher se entregou, cinco dias depois.

Cordelia foi inocentada da acusação de homicídio doloso, com intenção de matar, mas condenada por homicídio culposo, em veredito unânime. Ela começou a cumprir a sentença de 10 anos de prisão hoje.

A sentença de Cordelia foi suavizada porque, no decorrer do processo, ficou clara a natureza abusiva e perigosa do relacionamento com Wayne. "Você empunhou a faca não para causá-lo ferimentos sérios, menos ainda matá-lo, mas o fez em um espaço tão reduzido que o risco fatal era claro, como foi", disse o juiz James Burbidge à condenada.

Em nota, a família de Wayne classificou o crime como "hediondo" e afirmou que homem era "um filho amoroso, pai devotado de três filhos, irmão caloroso e amigo fiel que sempre estará em nossos corações e vidas diárias".

Internacional