PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Ator pornô encara pena de até 330 anos de prisão por crimes sexuais nos EUA

Ron Jeremy foi acusado de estupro por três mulheres - Getty Images
Ron Jeremy foi acusado de estupro por três mulheres Imagem: Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

29/10/2020 16h41

Ron Jeremy, ator e diretor premiado do cinema pornográfico americano, foi acusado de mais sete crimes sexuais, a seis dias de iniciar uma batalha judicial no Condado de Los Angeles. Em junho, ele havia sofrido acusações de estupro de três mulheres e de agressão sexual de uma quarta.

Os crimes aconteceram em períodos distintos. Alguns aconteceram em 1996, em San Fernando Valley, e outros em 2013, em um bar de West Hollywood. Quatorze outros casos foram negados pela justiça de Los Angeles, pois estavam fora do prazo de prescrição. Os seis aceitos aconteceram entre 2000 e 2013.

Caso condenado, Jeremy pode pegar uma pena de até 330 anos em prisão de estado. Ele está detido desde junho, pois não pôde arcar com a fiança que gira em torno de 6,6 milhões de dólares (aproximadamente 38 milhões de reais).

Apesar de todas as acusações, o ator declarou-se inocente. A audiência preliminar para decidir o que será feito a respeito dos novos elementos foi marcada para 14 de dezembro. Em junho, Jeremy escreveu em sua conta no Twitter: "Sou inocente de todas as acusações. Mal posso esperar para provar minha inocência no tribunal! Obrigado a todos pelo apoio".

Internacional