PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Esse conteúdo é antigo

Mãe morre com covid-19 após festa; filha faz apelo: evitem grandes reuniões

Joginder Kaur (ao centro) que morreu de Covid após assistir a um casamento de família; Dalvinder Kaur-Kelly, de verde, ao lado da mãe - Reprodução/The Mirror
Joginder Kaur (ao centro) que morreu de Covid após assistir a um casamento de família; Dalvinder Kaur-Kelly, de verde, ao lado da mãe Imagem: Reprodução/The Mirror

Do UOL, em São Paulo

27/12/2020 09h58

A morte da mãe, Joginder Kaur, de 67 anos, vítima de covid-19, fez Dalvinder Kaur Kelly fazer um apelo às pessoas: evitem ir a grandes reuniões.

Joginder contraiu a doença após ir a um casamento da família em Derby, no Reino Unido, onde mais de 50 pessoas estavam presentes. Segundo disse a filha ao jornal "The Mirror", a mãe "se sentiu pressionada a ir" ao evento.

"Minha mãe ainda deveria estar aqui, mas ela se sentiu pressionada a ir. Se você está preocupado, não fique quieto - fale. É tão sem sentido. Minha mãe passou do casamento para ser internada no hospital em menos de 10 dias. Algumas semanas depois, estávamos organizando seu funeral. A covid está destruindo vidas. Gostaria que as pessoas pensassem sobre o que estão fazendo", declarou Dalvinder.

O casamento aconteceu no dia 19 de setembro, quando as medidas de restrições no Reino Unido impediam a reunião de mais de 30 pessoas.

Joginder foi internada no dia 24, no hospital Queen Elizabeth, em Birmingham. Ela morreu seis dias depois. "Só quero dizer às pessoas para não irem a grandes reuniões", ressaltou Dalvinder.

A família começou uma campanha para arrecadar fundos para o hospital. "Em seus últimos dias, minha mãe foi cuidada por médicos e equipes de enfermagem incríveis", completou ela.

Internacional