PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
15 dias

Professora acusada de abuso sexual é detida por tentar contato com vítima

Lisa DeFluri foi acusada de abuso sexual contra uma estudante nos EUA - Reprodução/KEZINews
Lisa DeFluri foi acusada de abuso sexual contra uma estudante nos EUA Imagem: Reprodução/KEZINews

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/04/2021 09h45

Uma professora dos Estados Unidos foi detida novamente após tentar contatar uma estudante que a acusou de violência sexual. Lisa DeFluri, 31, recebeu dez acusações de abuso sexual de segundo grau, incluindo sexo oral, em uma estudante com menos de 18 anos, em dezembro do ano passado.

De acordo com KEZI, a professora de matemática e basquete foi colocada de volta sob custódia na semana passada depois de tentar entrar em contato com a vítima. Ela lecionava em uma escola secundária em Oregon, nos Estados Unidos, e deverá comparecer hoje para uma conferência antes do julgamento.

A agressão teria ocorrido no dia 3 de julho e DeFluri recebeu a prisão inicial no dia 6 de dezembro de 2020. Na época, a escola havia fechado suas salas de aula devido às restrições do coronavírus, mas de acordo com as alegações, o relacionamento ilegal continuou.

Segundo o Knewz, depois da primeira prisão, DeFluri foi colocada em licença administrativa de suas funções de professora e mais tarde levada à prisão de Lane County.

Lisa DeFluri é acusada de violar a fronteira entre aluno e professor e como a vítima era criança, ela não podia consentir com nenhuma atividade sexual.

Internacional