"Não parava de cair gente": testemunhas relatam o atentado de Las Vegas

Matthew Dessem

  • David Becker/ AF

    1.out.2017 - Pessoas carregam vítima após ataque em festival de música country, em Las Vegas, Nevada

    1.out.2017 - Pessoas carregam vítima após ataque em festival de música country, em Las Vegas, Nevada

Foram reunidos por repórteres os primeiros depoimentos de testemunhas do atentado de domingo à noite em Las Vegas, e eles são absolutamente estarrecedores. Gail Datvis, em entrevista à "CBS This Morning", conta sobre um policial que a protegeu dos tiros quando ela não conseguiu se esconder.

"Nós estávamos correndo para dentro e as luzes estavam acesas e todo o resto estava no escuro, eles apagaram as luzes do palco e tudo mais. E nós estávamos correndo lá...E então nós deitamos, o meu marido estava na minha frente ,e tinham outras duas mulheres atrás de nós. E um policial me protegeu com o seu corpo para me proteger de ser baleada porque eu não conseguia sair do caminho. Você podia ouvir os tiros rebatendo e eles não iriam parar e então nós dissemos 'ok, ok, está tudo acabado', e os disparos começaram novamente e o policial continuou lá e nós ouvimos em seu rádio que existiam atiradores", disse Gail Datvis na entrevista para o "CBS This Morning".

Ao "Good Morning America", Bryan Claypool disse que no começou achou que os tiros fossem fogos de artifício. Chorando muito, ele disse que pensou no ataque na casa noturna de Orlando, na Flórida, enquanto se escondia. "Eu pensava se ia morrer ali", ele disse.

"Eu estava sentado na sessão VIP e era próxima do palco e eu ouvi sons e pensei que fossem fogos de artifício. O cantor parou de cantar e eu percebi que algo estava errado e escutei tiros vindo de cima de nós e eu corri... Muitas pessoas estavam caindo porque eu acho que muitas pessoas naquele momento não perceberam onde os tiros estavam acontecendo. Eu estava no chão e posso te dizer que os tiros aconteceram por 23 segundos... Eu pensava que ia morrer ali", disse Bryan Claypool.

Megan Kearney disse à NBC News que viu "pessoas simplesmente caindo, centenas de corpos pelo chão" quando Paddock começou a atirar. "Parecia que vinha do céu, lá de cima", ela disse sobre os tiros. "Não parava de cair gente, no show inteiro, então era alguém lá em cima que conseguia ter uma visão de tudo".

"O show estava acontecendo e pensamos que os sons eram de fogos de artifício. E depois percebemos que soavam como o de uma metralhadora e as pessoas começaram a cair ,e eu digo centenas de corpos no chão... Quando percebemos que houve uma pausa nós começamos a correr e, enquanto ouvíamos, torcíamos para que nenhum tiro acertasse a gente. E conseguimos nos esconder em uma loja", disse Megan Kearney.

Mas, por mais perturbadores que sejam os relatos das testemunhas, eles perdem para os vídeos do ataque em si. Como aconteceu em um show, muitas das pessoas na plateia estavam gravando quando Paddock começou a atirar. Atenção: são realmente fortes os sons e imagens a seguir. Um homem capturou a cena a partir de uma janela no Mandalay Bay:

O ator Luke Broadlick estava perto do palco e capturou imagens de Jason Aldean interrompendo sua música bruscamente quando começaram os tiros:

Russel Bleck postou imagens caóticas de si mesmo rastejando para tentar se esconder em um tipo de tenda do festival em meio aos tiros.

 

Shots fired! Barelly made it out with @breskags. Scariest moment of my life. They just kept firing and firing. Please god let everyone be ok

Uma publicação compartilhada por Russell Bleck (@rtbleck)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

Legenda instagram: Estão atirando! Escapei por pouco com @breskags. Momento mais assustador da minha vida. Eles não paravam de atirar. Espero que estejam todos bem

A usuária do Instagram randy_kindred_girl postou imagens horripilantes do público fugindo apavorado onde aparece bem o Mandalay Bay:

 

Shooting at Route 91

Uma publicação compartilhada por Randy (girl) Kindred (@randy_kindred_girl_)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

Legenda instagram: Tiroteio no Route 91

E o usuário do Instagram Vincestagramen capturou a mesma correria desenfreada de um ponto próximo:
 

 

Im safe and this was scary. I first thought it was fireworks till I saw someone run by me in blood. @worldstar people were running with blood on em. Who the FUCK shoots up @route91harvest in #Vegas #route91harvest #WorldStar

Uma publicação compartilhada por Vincent Sager (@vincestagramen)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

Legenda instagram: Estou bem e isso foi assustador. No começo achei que fossem fogos de artifício até que vi alguém passando por mim coberto de sangue. Tinha gente do @worldstar correndo cobertos de sangue. Quem CARALHOS atira no #route91harvest em #Vegas "route91harvest #WorldStar

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos