Estudo indica que temperatura da Terra subirá 4°C até 2100

Do UOL, em São Paulo

As mudanças climáticas estão realmente acontecendo, não é papo de "ecochato". Um novo estudo publicado nesta quarta-feira (9), na Science Advances, afirma que a temperatura na Terra deve subir 4°C até 2100.

A pesquisa nos afasta -ainda mais- do objetivo assinado por 195 no Acordo de Paris. No texto, foi prometido que todos se esforçariam para limitar o aquecimento do planeta a menos de 2°C, mas a tarefa está cada vez mais difícil.

Para fazer o cálculo, Tobias Friedrich e sua equipe estudaram as variações climáticas da Terra de 784 mil anos. Com a análise, foi possível estimar que a temperatura da superfície terrestre aumente 4°C até o fim do século. E esse aumento levará inundações a grande cidades, seca em diversas regiões e situações ainda mais extremas de calor e frio.  

iStock

Como já foi previsto por outros cientistas, a pesquisa também indicou que, se os níveis de emissão de CO2 (dióxido de carbono) produzidos pelo homem permanecerem constantes, as temperaturas médias globais durante o século 21 vão ultrapassar as temperaturas máximas atingidas durante os últimos 784 mil anos.

O estudo se baseou em um fator chave chamado sensibilidade climática, uma medida de quanto a temperatura varia de acordo com o aumento de uma força específica. No caso, a força escolhida foi a emissão de gases do efeito estuda, principalmente CO2. 

A conclusão descoberta foi que o clima na Terra está cada vez mais sensível, o que faz com que as emissões tenham um efeito de aquecimento maior do que o normal.

Para entender na prática, os cientistas afirmaram que se duplicarmos a emissão de CO2 durante períodos mais frios, a temperatura da Terra aumenta 1,78°C. Com o aquecimento global, a duplicação do CO2 resultará em um aumento de 4,88°C.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos