PUBLICIDADE
Topo

Força Nacional vai passar a atuar para conter queimadas na Amazônia

Toras de madeira vistas durante operação do Ibama de combate ao desmatamento ilegal em Apuí, no Amazonas - BRUNO KELLY
Toras de madeira vistas durante operação do Ibama de combate ao desmatamento ilegal em Apuí, no Amazonas Imagem: BRUNO KELLY

Do UOL, em Sâo Paulo

22/05/2020 08h37

O Ministério da Justiça e Segurança Pública publicou hoje no Diário Oficial da União uma portaria que autoriza a atuação da Força Nacional no combate a incêndios e queimadas na Amazônia.

O texto prevê atuação em conjunto com as Forças Armadas no período que vai de hoje até 10 de junho. A ação pode ser prorrogada, caso seja necessário.

A decisão contempla a região da Amazônia Legal, que corresponde aos estados do Acre, Amazonas, Amapá, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e uma parte do Maranhão.

A Amazônia registrou em abril o maior desmatamento dos últimos 10 anos. Foram 529 quilômetros quadrados devastados, segundo o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon).

No mês de abril, a Amazônia registrou o maior desmatamento dos últimos 10 anos, com 529 quilômetros quadrados de área destruída, informou o Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) ontem. Usando os dados do Sistema de Alerta do Desmatamento (SAD), o estudo mostrou que houve um aumento de 171% na área desmatada na comparação com o mês de abril de 2019.

Meio Ambiente