Exclusivo para assinantes UOL

Papa mantém silêncio sobre alegações de abusos sexuais na igreja católica da Alemanha

Matthias Bartsch, Frank Hornig, Conny Neumann, Markus Verbeet e Peter Wensierski

  • 17.01.2009 - Osservatore Romano /Reuters

    O papa Bento 16 (à esq.) celebra o aniversário de 85 anos de seu irmão Georg Ratzinger, no Vaticano

    O papa Bento 16 (à esq.) celebra o aniversário de 85 anos de seu irmão Georg Ratzinger, no Vaticano

Alegações de abusos sexuais na Igreja Católica alemã continuam surgindo. Há quem questione o que o papa Bento 16 pode ter sabido a respeito de casos específicos de abusos, e o irmão dele, Georg Ratzinger, também está sendo alvo de críticas. Porém, até agora o papa mantém silêncio.

UOL Cursos Online

Todos os cursos