Exclusivo para assinantes UOL

Milhares de sem-teto sobrevivem em casebres de alumínio na África do Sul

Lali Cambra

Na Cidade do Cabo (África do Sul)

  • Lee Middleton/IRIN

Comparado com os bairros de barracos tradicionais, onde as construções se amontoam de forma caótica, em Blikkiesdorp as estruturas de chapa são ordenadas em fileiras separadas por ruas, em bairros do A ao Q, uma estrutura de um cômodo por família, uma torneira e uma latrina para cada quatro. Mais de 1.200 habitantes. Oficialmente é um refúgio criado pela Cidade do Cabo para famílias sem moradia, até que o governo sul-africano lhes construa uma. Chama-se campo de alojamento transitório, embora ninguém saiba quantos anos terá de viver nesse povoado de alumínio.

UOL Cursos Online

Todos os cursos