Exclusivo para assinantes UOL

Um exército marchando para escapar da China medieval

Tom Mitchell

Esta supostamente seria uma primavera de filas para sopa e pão nos centros manufatureiros da China, um precursor potencial de um longo e quente verão de inquietação industrial ameaçando a visão do governo de uma "sociedade harmoniosa". São tempos difíceis para o setor exportador da China, os mais difíceis de que se tem memória. As exportações da província sulista de Guangdong, que representam um terço do total do país, caíram 21% em janeiro e fevereiro, à medida que os varejistas ocidentais reduzem seus estoques. Mas em março, o declínio ano a ano foi um bem menor de 14%, e a ampla inquietação dos trabalhadores não se materializou no delta do Rio Pérola, o centro industrial de Guangdong.

UOL Cursos Online

Todos os cursos