Exclusivo para assinantes UOL

Almoço com o FT: Ai Weiwei

David Pilling*

A perspectiva de um encontro no almoço com Ai Weiwei, o mais famoso e mais político artista da China, é, francamente, um tanto intimidante. Ai, um homem com uma presença física enorme, foi descrito por entrevistadores anteriores como taciturno, difícil e silencioso. Ele também é conhecido por quebrar coisas e, quando consegue ser persuadido a falar, por atacar as autoridades em Pequim com uma ferocidade raramente manifestada por exilados, muito menos por aqueles que ousam viver dentro da própria China. “Estudo de Perspectiva” (1995-2003), uma série de suas obras, parece capturar seu caráter. Ela mostra fotos de seu braço estendido diante de marcos famosos –a Cidade Proibida, a Torre Eiffel, a Casa Branca– com o dedo médio em riste em desafio.

UOL Cursos Online

Todos os cursos