UOL Mídia GlobalUOL Mídia Global
UOL BUSCA

RECEBA O BOLETIM
UOL MÍDIA GLOBAL


11/02/2008
Ônibus exclusivo para mulheres circula na Cidade do México

Joëlle Stolz
Correspondente no México


É preciso ter paciência para circular num ônibus "reservado apenas para as damas" na Cidade do México. Esta iniciativa da municipalidade, de esquerda, que supostamente tem como objetivo contrariar o machismo ambiente, tem obtido sucesso. "Isso aqui é ótimo, nós estamos tranqüilas e não precisamos aturar os homens que não nos respeitam", declara Cecília, uma cozinheira de restaurante sexagenária e de cabelos grisalhos, o que não a impede de ser alvo de "mãos bobas" furtivas nas horas de trânsito intenso. Contar com um ônibus exclusivo "proporciona uma maior segurança", afirma a jovem Adriana, feliz da vida por ter conseguido "pegar por acaso" o ônibus certo na avenida Reforma.

Alfredo Estrella/ AFP - 15.jan.2008
Ônibus na Cidade do México traz indicação de ser exclusivo para mulheres
Alfredo Estrella/ AFP - 15.jan.2008
O ônibus dificilmente lota e as passageiras podem fazer as viagens sentadas
Alfredo Estrella/ AFP - 15.jan.2008
Algumas passageiras esperaram até 40 minutos para pegar o ônibus
Outras passageiras tiveram que esperar até quarenta minutos pela chegada do veículo reservado para as mulheres, que costuma ficar muito menos lotado do que os outros. Com isso, elas podem desfrutar de lugares vagos para viajarem sentadas. Elas dissimulam um sorriso ao verem o semblante desapontado dos homens que tentam entrar no ônibus, mas que o motorista rechaça, gritando: "Não autorizado para os cavalheiros!" A única exceção tolerada diz respeito àqueles que estão acompanhados por crianças muito novas.

Inaugurado em 22 de janeiro, o "programa Athena" - do nome da deusa grega da Cidade - chamou a atenção da mídia até no Japão. Contudo, já faz dez anos que o metrô de Cidade do México reserva vagões para as mulheres e as crianças: dois carros por trem nas horas de pico. "Mesmo assim, não é suficiente", lamenta Maria, uma empregada doméstica que precisa enfrentar ao menos quatro horas de viagem diariamente, assim como a maior parte dos habitantes da megalópole.

Entretanto, os dois terços dos 15 milhões de trajetos coletivos registrados a cada dia na Cidade do México são efetuados em ônibus do setor privado, muito mais numerosos. Contando com uma frota de cerca de quarenta ônibus apenas, o "programa Athena" ainda não passa de uma gota de água no meio do oceano urbano.

Ele corresponde, ainda assim, a uma verdadeira necessidade, constata Ariadna Montiel, a diretora geral da rede de transportes públicos: "Mas esta inovação nada tem a ver com o assédio sexual", sublinha. "Ela vem remediar ao fato de que as mulheres estão geralmente acompanhadas por crianças, e carregam sacolas com mantimentos; nesses casos, elas costumam enfrentar dificuldades para encontrar um lugar para sentar nos transportes coletivos".

A feminista Marta Lamas, que trabalha com a equipe do prefeito Marcelo Ebrard, do Partido da Revolução Democrática (de esquerda), não está convencida disso. "De um lado, isso proporciona um alívio para muitas mulheres, mas, de outro, estão criando uma situação artificial, uma vez que a convivência entre homens e mulheres continua existindo nos outros espaços públicos", afirma. "Em vez de manter as mulheres isoladas para evitar os abusos, seria preciso desenvolver uma educação coletiva que previna esse tipo de comportamento".

Tradução: Jean-Yves de Neufville

ÍNDICE DE NOTÍCIAS  IMPRIMIR  ENVIE POR E-MAIL

Folha Online
Reforma visual da Folha facilita a leitura; conheça as mudanças
UOL Esporte
Após fiasco de público, CBF reduz preços de ingressos para partida
UOL Economia
Bovespa reduz ritmo de perdas
perto do fim dos negócios

UOL Tecnologia
Fãs do iPhone promovem encontro no Brasil; veja mais
UOL Notícias
Chuvas deixam quatro mortos e afetam mais de 4 mil no Paraná
UOL Vestibular
Cotista tem nota parecida com de não-cotista aponta Unifesp
UOL Televisão
Nova novela da Record terá máfia e Gabriel Braga Nunes como protagonista
UOL Música
Radiohead entra em estúdio para trabalhar em disco novo
UOL Diversão & Arte
Escritor indiano Aravind Adiga ganha o Booker Prize
UOL Cinema
Novo filme dos irmãos
Coen tem maior bilheteria nos EUA





Shopping UOL

Gravadores Externosde DVD a partir
de R$ 255,00
Câmera Sony6MP a partir
de R$ 498,00
TVs 29 polegadas:Encontre modelos
a partir de R$ 699