Exclusivo para assinantes UOL

Para a ONU, o Congo vive "uma das piores crises humanitárias do mundo"

Le Monde

  • Cranimer Mugerwa/AP

    População do Congo sofre com combates, estupros e mutilações

    População do Congo sofre com combates, estupros e mutilações

A população da República Democrática do Congo enfrenta “uma das piores crises humanitárias do mundo”, denunciou na sexta-feira (11) a ONU (Organização das Nações Unidas), cujas agências encaram um “verdadeiro desafio” em razão da violência e de uma falta severa de recursos. “O país vem enfrentando uma das piores crises humanitárias do mundo”, enquanto “os abusos de grupos armados, entre os quais o Exército de Resistência do Senhor (LRA), não param de aumentar”, explicou à Agência France Press, a porta-voz do Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (Ocha), Elisabeth Byrs.

UOL Cursos Online

Todos os cursos