Exclusivo para assinantes UOL

A última conversa entre dois jihadistas antes de atentado ser frustrado na Bélgica

Élise Vincent

  • AFP/BELGA/BRUNO FAHY

Em janeiro de 2015, homens que se preparavam para atacar duas delegacias de Bruxelas comentavam o massacre do “Charlie”. Eles não desconfiavam que estavam sendo monitorados

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos