Exclusivo para assinantes UOL

Além da fome, cidade sitiada na Síria também sofre com as barganhas políticas

Laure Stephan, com Louis Imbert e Hélène Sallon

Em Paris

  • ICRC/AP

    Comboio com ajuda humanitária chega a Madaya, na Síria

    Comboio com ajuda humanitária chega a Madaya, na Síria

Em poucos dias, Madaya se tornou um símbolo das cidades sitiadas pelo regime na Síria. As imagens do sofrimento de seus habitantes passando fome rodaram o mundo, provocando uma onda de indignação. O cerco a esse vilarejo do maciço montanhoso de Qalamoun, próximo do Líbano e de Damasco, está no centro de intensas negociações, às vésperas do encontro de Genebra que deve abrir novas conversas entre a oposição e o regime no dia 25 de janeiro.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos