UOL Notícias Internacional
 

05/08/2004

Governo Bush se afastou dos valores dos EUA

The New York Times
Bruce Springsteen*

Especial para o NYTimes
Os artistas e músicos de uma nação ocupam um lugar especial em sua vida social e política. Durante anos eu procurei pensar demoradamente sobre o que significa ser um cidadão americano: sobre a identidade que nos distingue e a posição que temos no mundo, e sobre a melhor maneira de levar essa posição adiante. Tenho procurado escrever canções que falem ao nosso orgulho e que também critiquem nossas falhas.

Essas questões estão na essência, no próprio coração da próxima eleição: quem nós somos, quais são os nossos princípios, por quem lutamos. Pessoalmente, nos últimos 25 anos tenho estado sempre um passo além da política partidária.

Em vez disso, tenho tomado partido sobre um conjunto de ideais: justiça econômica, direitos civis, por uma política externa humana, pela liberdade e por uma vida decente para todos os nossos cidadãos. Esse ano, entretanto, para muitos de nós o preço a pagar está alto demais para pensarmos em descartar a próxima eleição.

Pelo meu trabalho, sempre procurei formular perguntas difíceis. Por que a nação mais próspera do mundo inteiro não consegue cumprir seu compromisso e sua fé entre seus cidadãos menos favorecidos? Por que seguimos com tanta dificuldade para enxergar a realidade por trás dos véus raciais?

Como poderemos nos orientar durante tempos difíceis sem precisar matar as coisas que nos são mais preciosas? Por que será que a realização de nosso compromisso enquanto um povo sempre parece próximo, mas está sempre fora de alcance?

Não acredito que John Kerry e John Edwards tenham todas as respostas. Mas acho que eles estão sinceramente interessados em formular as perguntas certas, e em trabalhar para alcançar as soluções mais honestas.

Eles compreendem que precisamos de um governo que dê prioridade à justiça, ao conhecimento, à receptividade, à humildade e à preocupação com todos os cidadãos americanos, e que também dê prioridade à coragem e à fé.

As pessoas têm noções diferentes sobre esses valores, e chegam a vivê-los de formas bem variadas. Tenho procurado cantar sobre alguns desses valores nas minhas canções. E eu também tenho minhas idéias próprias sobre o significado desses valores.

É por isso que eu pretendo me unir a vários companheiros artistas, como a Dave Matthews Band, Pearl Jam, R.E.M., The Dixie Chicks, Jurassic 5, James Taylor e Jackson Browne. Todos juntos estaremos em turnê no próximo mês de outubro. Vamos nos apresentar sob o "guarda-chuva" de uma nova organização, chamada "Vote for Change" (Vote para Mudar).

Nosso objetivo é colocar o governo em outra direção e substituir a atual administração no próximo mês de novembro.

Como tantos outros, logo depois do 11 de setembro, pude sentir a unidade da nação. Não lembro de ter visto nada parecido antes. Apoiei a decisão de entrar no Afeganistão, e tive esperanças de que a gravidade do momento nos provesse de força, humildade e sabedoria para nossos líderes.

Em vez disso, mergulhamos de cabeça numa guerra desnecessária no Iraque, sacrificando as vidas de nossos homens e mulheres sob circunstancias que agora estão desacreditadas. Chegamos a recordes em déficits econômicos, e enquanto isso fomos submetidos a cortes e enxugamentos de serviços sociais, como nas atividades para as crianças após o horário escolar.

Garantimos cortes de impostos para a faixa dos 1% mais ricos (dos chefões das corporações a guitarristas muito bem sucedidos), desequilibrando a distribuição de riquezas, numa ameaça ao contrato social que estabelecemos entre todos nós, silenciando o compromisso de termos "uma só nação, indivisível".

É por meio do exercício verdadeiro das melhores qualidades humanas -respeito pelos outros, honestidade em relação a nós mesmos, fé em nossos ideais- que alcançamos a vida aos olhos de Deus. É assim que nossa alma se expressa, enquanto nação e enquanto indivíduos.

Nosso governo americano se afastou demais dos verdadeiros valores americanos. É tempo de seguir adiante. O país que conduzimos em nossos corações está esperando.

*Bruce Springsteen é compositor e artista É tempo de os artistas contribuírem para mudar a condução do país

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host