UOL Notícias Internacional
 

04/08/2005

A câmera certa para você

The New York Times
Sean Captain
As vendas de câmeras digitais já superam as vendas dos modelos tradicionais de filme, e muitos compradores já estão adquirindo seu segundo modelo. Para os modelos digitais, "nós estamos nos aproximando agora do estágio em que 50% das câmeras são vendidas para lares que já têm uma", disse Philip Scott, gerente da divisão de câmeras digitais de consumo da Kodak.

The New York Times
The New York Times
Veja fotos de cinco câmeras citadas nesta reportagem
Tamanha popularidade vem acompanhada de uma abundância de opções. E os compradores, especialmente os que estão comprando pela primeira vez, podem encontrar dificuldade para avaliar o que é oferecido. "Uma lição que aprendi é que o que vale para as câmeras tradicionais é um tanto enganador", disse Mark Grinbaum, de South Brunswick, Nova Jersey, um diretor de tecnologia de uma bolsa eletrônica de opções, que comprou sua primeira câmera digital em fevereiro. Grinbaum disse que inicialmente se concentrou na taxa de megapixels que descreve a resolução da câmera, ou a capacidade de mostrar detalhe.

Mas ele passou a compartilhar a opinião de Siddiqi Ray, uma fotógrafa profissional de Minneapolis, que descarta a importância de uma resolução cada vez maior. Ela recomenda cinco megapixels como adequado para a maioria das pessoas. "A menos que você esteja fotografando para um outdoor, você se dará bem", disse ela, notando que cinco megapixels é suficiente para fotos impressas 40 cm X 50 cm.

Analisando as lentes
Em vez da resolução, Ray sugere que os compradores olhem mais atentamente para as lentes. Ela recentemente acrescentou à sua coleção um modelo slim (fino, pequeno), o Cyber-shot DSC-T33 da Sony, de US$ 350, porque ficou impressionada com as lentes Carl Zeiss que a Sony usa.

Independente da marca, os consumidores podem avaliar as lentes considerando características básicas. Uma é a abertura, que regula a entrada de luz. Números menores de abertura (como 2,8 ou 2,4) significam aberturas maiores que permitem que a câmera registre fotos em ambientes mais escuros sem a necessidade da luz de um flash. (Um sensor de imagem e processador da câmera também determinam a performance com pouca luz.)

Outra capacidade importante é o alcance do zoom, geralmente expresso em medições "equivalente a 35 milímetros", usadas originalmente para as câmeras de filme. A maioria das lentes de zoom começa com ajustes a partir de 38 a 35 mm. Mas algumas descem até cerca de 28 mm.

No outro extremo está a capacidade de telefoto das lentes, usada para aproximar objetos distantes. A maioria dos modelos pode fazer um zoom em um fator de pelo menos três vezes, apontado como "3X" nas descrições das câmeras, por exemplo de 35 mm até uma modesta telefoto de 105 mm. A distância de foco considerada "normal", o que o olho vê sem ajuda, é de cerca de 50 mm.

Câmeras maiores podem fornecer um alcance de zoom ainda maior, até um fator de 12X. Alta capacidade de zoom é útil, por exemplo, para registrar closes de atletas em eventos esportivos -seja em um campeonato profissional ou no jogo das crianças na escola. (Muitos fotógrafos experientes dizem que é melhor considerar apenas o fator ótico de zoom, fornecido pelas lentes, não o zoom digital, uma ampliação eletrônica que resulta em uma perda significativa de resolução.)

Tais fotos de ação também exigem que a câmera responda rapidamente -foco, ajuste para iluminação e o registro da foto antes que o momento seja perdido. Este tempo de resposta, conhecido como atraso do obturador, é importante para mais do que fotos de esportes.

Lembrando uma de suas antigas câmeras digitais, Minh Do, de Greenwich, Connecticut, disse: "Se você tenta tirar fotos das crianças, você obtém fotos borradas ou as perde". Quando saiu para comprar um novo modelo, Do, um sócio de um fundo de investimento, começou a perguntar aos amigos sobre o que não gostavam em suas câmeras. Muitos citaram o atraso do obturador (às vezes de mais de um segundo) e o tempo necessário para inicialização da câmera (de uma fração de segundo até quase cinco segundos). Os vendedores podem declarar tanto o tempo de inicialização quanto o atraso do obturador para suas câmeras, mas podem não usar o mesmo critério para medi-los.

Os compradores podem verificar as especificações técnicas checando avaliações independentes em revistas de fotografia ou em sites como dcresource.com, dpreview.com ou steves-digicams.com. Os críticos também julgam a qualidade das imagens para fotos de vários tipos sob várias condições de luz e exibem amostras online. "Eu me apoio nos sites de avaliação porque eles têm mais recursos para testar do que eu", disse Do, que recentemente comprou uma Canon PowerShot SD400 por US$ 330.

Tipos de câmera
Além do preço, as câmeras digitais variam muito em estilo, tamanho e capacidade, de forma que modelos diferentes podem atrair tipos diferentes de usuários. "Nós certamente segmentamos as câmeras e as projetamos com base nos compradores", disse Scott, da Kodak. Apesar de não existir nenhuma categoria universal, a maioria das câmeras cai em poucos tipos comuns de produto: iniciante, slim, grande zoom, entusiasta e single-lens reflex (SLR, monoreflex).

Iniciante
As câmeras para iniciantes apresentam preços relativamente baixos (menos de US$ 300 e freqüentemente menos de US$ 200) ao abrir mão de considerações como resolução e espessura. Por US$ 200, por exemplo, a PowerShot A510 da Canon tem um sensor de 3,2 megapixels e cerca de 3,8 centímetros de espessura. Sua resolução é suficiente para compartilhar fotos online ou, segundo a Canon, para fotos impressas de 12,7 X 17,7 cm. O painel LCD -para enquadrar e ver as fotos, assim como para mudar os ajustes- tem o tamanho modesto de 1,8 polegada diagonalmente.

Slim
Uma das câmeras slim da Canon, a PowerShot SD400, é vendida por cerca de US$ 400 (e às vezes menos, como no caso de Do) e apresenta uma resolução de cinco megapixels e tem a metade do tamanho geral da A510, apesar de fornecer uma tela de LCD um pouco maior, de 2 polegadas. A EX-Z750 da Casio (cerca US$ 450) é um pouco maior que a Canon SD400, mas compensa com uma tela de LCD comparativamente enorme de 2,5 polegadas e uma resolução de 7,2 megapixels, que a Casio diz de forma conservadora que é capaz de fotos impressas de qualidade de até 33 X 42,2 cm.

Câmeras slim podem não ser mais sofisticadas do que as de iniciantes em termos de capacidade. A Canon SD400, por exemplo, não permite o controle manual de velocidade do obturador, abertura ou foco que a mais barata A510 fornece. Mas câmeras pequenas visam parecer mais sofisticadas. "As câmeras pequenas são definitivamente para o público preocupado com moda e estilo", disse Yolanda Hunt-Boes, uma porta-voz da Sony, sobre as opções de sua empresa.

Grande zoom
Tamanho pequeno não é uma opção se você deseja grande capacidade de zoom. Por exemplo, a DMC-FZ5 da Panasonic (cerca de US$ 400) fornece zoom óptico de 12X (36 a 432mm, ou quase nove vezes a ampliação em relação à visão normal). E tem mais de 7,6 cm de espessura, com lentes retráteis. Em termos de funções, estas câmeras variam de apontar e fotografar até funções bem sofisticadas.

Entusiasta
As chamadas câmeras de entusiastas também são grandes. Elas têm apelo junto a pessoas que gostam de amplo controle manual e alta resolução para fotos impressas grandes. Por exemplo, a Cyber-shot DSC-V3 da Sony (cerca de US$ 600) tem a mesma resolução da Casio EX-Z750 de 7,2 megapixels, mas é cerca de três vezes maior. Isto abre espaço para mais botões e controles. A DSC-V3 também tem encaixe para um flash externo mais poderoso e sofisticado.

Single-Lens Reflex
Por maiores que sejam as câmeras de entusiastas, elas são pequenas perto das câmeras single-lens reflex (SLR, monoreflex) como a Canon Digital Rebel XT (US$ 1.000 pelo corpo e lentes básicas) ou a Nikon D50 (US$ 900 com lentes). Todas as SLRs são câmeras estilo profissional. Sua característica principal é a capacidade de mudar as lentes -aceitando de ultra-grande-angulares e telefoto extrema até tipos específicos.

Elas também possuem maior sensibilidade, medida em unidades ISO, para tirar fotos com pouca luz. Por exemplo, a câmera slim Canon SD400 chega a ISO 400, mas a Rebel vai até ISO 1600. Praticamente não existe atraso do obturador. Mas as SLRs carecem de algumas características voltadas para os usuários casuais, como a capacidade de registrar vídeo.

Somando
Apesar de muitas câmeras se enquadrarem em grandes categorias, as pessoas que as compram podem não se enquadrar. A pessoa que quer uma SLR grande para fotos artísticas pode querer uma câmera pequena para fotos e vídeos mais simples em uma festa. Algumas podem encontrar câmeras que reúnem boas opções, outras podem se sair melhor com múltiplos modelos.

Grinbaum, por exemplo, acabou optando por comprar duas câmeras com bom desconto -uma KonicaMinolta Dimage Z10 com zoom óptico de 8X, por cerca de US$ 110, e uma pequena Kodak EasyShare Cx7330, por cerca de US$ 50. Tal estratégia provou ser mais barata do que comprar um único modelo reunindo todas as características que ele queria.

Ray, a fotógrafa, compara sua coleção de câmeras a um guarda-roupa bem abastecido. "Transforme suas câmeras em acessórios", disse ela. George El Khouri Andolfato

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host