UOL Notícias Internacional
 

15/06/2006

Um chaveiro que recorda sua lista de amigos

The New York Times
David Pogue
Sua vida digital gira a 7.200 rotações por minuto no disco rígido de seu computador. Um braço de leitura delicado está posicionado a uma fração de polegada acima da superfície giratória do disco, que se move a 96 km/h; um solavanco e seus arquivos já eram. A probabilidade de falha mecânica de seu disco rígido é de 100%; é apenas uma questão de quando.

E é assim que a sociedade escolheu preservar seu futuro?

Em breve poderá haver um alternativa: aqueles minúsculos e brilhantes flash drives (também chamados thumb drives, jump drives, USB drives ou keychain drives (chaveiro)).

Um flash drive não tem partes móveis. É robusto. É rápido. E melhor que tudo, é portátil. Sem qualquer instalação especial ou drivers, você pode inserir um flash drive na entrada USB de qualquer computador -Mac, Windows, qualquer um. Ele aparece na tela como se fosse um disco rígido, disponibilizando todos seus documentos.

Mas se tudo o que você quiser é carregar suas fotos e arquivos do Word por aí, você pode simplesmente queimar um CD. Mas e se o flash drive também armazenasse seus programas, suas configurações -todo o universo do seu computador?

Esta é a idéia por trás do software PowerToGo da Lexar, que por sua vez é uma versão licenciada de algo chamado Ceedo Personal. Ele é projetado para transformar um flash drive em um ecossistema Windows XP portátil, o que significa que você pode conectá-lo no PC de qualquer pessoa e se sentir em casa, juntamente com suas ferramentas de software.

A partir de julho, a Lexar incluirá o PowerToGo em todos seus flash drives da série Platinum (US$ 53 pelo modelo de um gigabyte, US$ 90 pelo de dois giga; um modelo de quatro giga será lançado em agosto). O PowerToGo também rodará nos drives Lexar mais antigos (www.lexar.com/powertogo), apesar de que você terá que pagar US$ 30 por ele após um período de teste. Se você tem algum flash drive de outra marca, você pode fazer o download do Ceedo Personal a partir da página www.ceedo.com; novamente, um teste de 30 dias é gratuito; depois disto, é preciso pagar (US$ 40). Mas tenha em mente que flash drives mais rápidos proporcionam uma experiência melhor; a Lexar alega que seus modelos Lightning, por exemplo, são de duas a seis vezes mais rápidos do que os flash drives comuns.

Agora você pergunta: "Qual é o grande lance? Por que preciso de um software especial? Não posso simplesmente colocar meus programas em um flash drive arrastando seus ícones?"

Você pode, mas eles não rodarão. O instalador de um programa para Windows faz muito mais do que acrescentar o nome do programa no seu menu Iniciar. Nos bastidores, ele espalha todo tipo de pequenos arquivos de apoio nos quatro cantos do arquipélago Windows, os inserindo em localizações especiais na sua pasta Windows, fazendo mudanças no seu registro (o banco de dados mestre do software Windows e configurações) e assim por diante. Um programa não consegue rodar sem estes arquivos.

A Ceedo não é a primeira empresa a lidar com este problema. Uma empresa nova chamada U3 já possibilita instalar programas diretamente em flash drives. O problema é que este feito exige não apenas flash drives projetados especialmente (ostentando o logo U3), mas também programas especialmente modificados, sendo que só existem 150 até o momento, a maioria exigindo uma taxa adicional. (A U3 argumenta que esta solução hardware-software oferece maior segurança do que a da Ceedo -por exemplo, você pode proteger seu flash drive com uma senha.)

O projeto da Ceedo, por outro lado, não exige nem programas especiais nem flash drives especiais (apesar da versão da Lexar rodar apenas em flash drives Lexar). Os flash drives equipados com Ceedo enganam os instaladores de software a espalharem suas partes em sua própria cópia da sua pasta Windows. Há até mesmo um registro portátil, duplicado, a bordo.

Após instalar seus programas favoritos, você está pronto para passear pelo mundo dos computadores Windows. Quando você conecta seu drive em qualquer PC -na biblioteca, no sala de espera do aeroporto ou na casa de um amigo- uma caixa de diálogo oferece rodar o Ceedo Personal ou o PowerToGo.

Se você clicar OK, um simpático menu Iniciar em miniatura aparece no canto da tela. Aqui estão todos os seus programas, prontos para rodar.

Se você escolher o Internet Explorer ou o Firefox a partir deste menu
Iniciar, por exemplo, o browser de Internet abrirá, completo com todos os seus Favoritos e mesmo seus plug-ins. Se você escolher o Outlook Express ou o Thunderbird, você recebe sua coleção familiar de e-mails. (Este sistema de flash drive é, portanto, uma boa forma de manter uma única coleção de e-mails enquanto você alterna computadores em casa e no trabalho.) No Skype (para telefonemas gratuitos pela Internet) ou AOL Instant Messenger (para conversa digitada), sua lista de contatos é aberta, pronta e aguardando. Em um flash drive veloz conectado a uma entrada USB 2.0, tudo isto roda rapidamente e bem.

Quando você termina e ejeta o drive, nenhum fragmento de sua presença é
deixado para trás. Mesmo lixo de Internet que normalmente é despejado no seu disco rígido -cookies, arquivos temporários, histórico de navegação e coisas do gênero- são na verdade armazenados no flash drive. O PC emprestado é deixado limpo, incluindo a área de trabalho, que guardou qualquer coisa que você tenha copiado recentemente.

Se tudo funcionasse perfeitamente, isto apontaria para um futuro onde
poderíamos abandonar não apenas a dor de cabeça do defeito de disco rígido, mas também a despesa, frustração e obsolência da propriedade de um PC. Sugeriria que em, digamos, 2025, nós armazenaríamos todos nossos mundos digitais em flash drives baratos de 160 gigabytes. Nós os conectaríamos a terminais públicos de computador onde quer que estivéssemos -táxis, restaurantes, mesas dobráveis de avião- e prosseguiríamos do ponto onde paramos. Nós deixaríamos a compra, manutenção e limpeza de vírus dos computadores para profissionais.

A Ceedo e a Lexar apontam orgulhosamente para a lista de 100 programas
compatíveis listados em seus sites. Há bons programas de marca ali, como Skype, Google Talk, AIM, Winamp, Picasa e WinZip -mas todos são gratuitos ou shareware. Infelizmente, programas comerciais de produtividade são outra história.

Você não consegue instalar o Microsoft Office, por exemplo. É claro, como a Lexar aponta, a maioria dos PCs que você encontrar provavelmente já terão o Office instalado. Nestas situações, o Ceedo/Lexar faz a coisa certa: ele usa a cópia do computador, mas empregando suas configurações preferenciais -barras de ferramenta, fonte padrão e assim por diante.

Muitos programas pequenos, jogos e aplicativos Windows para download
funcionam bem. Mas quando se trata de programas comerciais de marca, não alimente suas esperanças. A instalação do Quicken 2006, FileMaker Pro e Dreamweaver 8 é tranqüila. Mas a maioria dos demais exibe mensagens enigmáticas de erro no final do ciclo de instalação, incluindo Photoshop Elements, OpenOffice, Palm Desktop, o calendário Now Up-to-Date e DragonNaturallySpeaking. Alguns programas são grandes demais para a instalação; outros aparentemente não funcionam por proteção contra cópia ou instalações incomumente complexas.

A Ceedo está trabalhando em soluções para alguns programas, incluindo iTunes e Microsoft Outlook. Isto é bom, porque suas coleções de e-mail e música são grandes candidatas a portabilidade.

Descobrir como instalar programas a partir de seus CDs originais também não é óbvio. Você abre a cópia do Internet Explorer no flash drive, digita a letra do drive do instalador do software (D:(BSLASH) para ver o que há em seu drive de CD, por exemplo) e então navega por três pastas até chegar ao instalador do programa.

Esta situação melhorará. A Ceedo está trabalhando em um instalador de
software chamado Install Anything (instale qualquer coisa) que ela diz que facilitará a instalação de todo tipo de programa. (A Lexar cobrará US$ 30 por este instalador, mesmo para as pessoas que obtiverem o PowerToGo em novos drives Lexar.) Infelizmente, mesmo o programa de nome não totalmente honesto Install Anything não será capaz de instalar qualquer programa em seu flash drive.

Ainda assim, a Ceedo/Lexar já terá prestado um grande favor ao mundo com este software. Mesmo sem o Install Anything, seu flash drive já pode armazenar seu programa de e-mail e e-mails, browser e favoritos, programas de bate-papo e contatos, utilitários essenciais (programas FTP e de compactação de arquivos, por exemplo) e as configurações de seu ambiente para Microsoft Office.

Se este não é o único programa que você precisará, ainda assim é a essência de sua existência no computador. E tê-la balançando em seu chaveiro o tempo todo é uma perspectiva tentadora. Significa que da próxima vez que você for pego sem seu computador, você poderá acessar seu software -rápido como um "flash". George El Khouri Andolfato

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host