Exclusivo para assinantes UOL

Cidade da Geórgia ensina o "contra-ataque" como opção em tiroteios em massa

Richard Fausset

Em Douglasville, Geórgia (EUA)

  • Jessica McGowan/The New York Times

Quando a polícia realizava reuniões com a população em Douglasville no passado, ela tinha sorte se comparecesse meia dúzia de pessoas. Mas o assunto da mais recente palestra era "Atirador Ativo: um Guia do Cidadão para Planejamento de Sobrevivência". E o local ficou lotado. O chefe Gary Sparks, um veterano do Exército com 29 anos na força policial, estabeleceu o tom com sua fala de abertura, parte conversa para animar e parte palestra pragmática de autodefesa. O mundo mudou, ele disse à plateia: pesquise no Google sobre as plantas dos estádios e locais de espetáculos antes de irem a eles. Estude o layout do seu mercado. Tome nota dos locais onde fazer uma saída rápida ou onde se esconder. E prepare-se para bater, se for preciso, com agressão máxima.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos