Exclusivo para assinantes UOL

Imigrantes seguem para Washington para protestar enquanto Obama ainda está lá

Liz Robbins

  • Joshua Bright/The New York Times

    Ninaj Raoul, diretora-executiva do grupo Haitian Women for Haitian Refugees, em seu escritório no Brooklyn

    Ninaj Raoul, diretora-executiva do grupo Haitian Women for Haitian Refugees, em seu escritório no Brooklyn

Nove ônibus cheios de ativistas imigrantes do Brooklyn, Queens e Long Island partirão antes do amanhecer para uma viagem a Washington, com a intenção de que suas vozes sejam ouvidas. Eles tocarão músicas de protesto e carregarão cartazes e bandeiras, do arco-íris às cores desbotadas do Haiti.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos