PUBLICIDADE
Topo

Uma visão de dentro da cultura de trabalho agressiva e desenfreada da Uber

Travis Kalanick, CEO da Uber - Money Sharma/AFP
Travis Kalanick, CEO da Uber Imagem: Money Sharma/AFP
Exclusivo para assinantes UOL

Mike Isaac

Em San Francisco (EUA)

24/02/2017 00h01

Quando novos funcionários ingressam na Uber, lhes é pedido que adotem 14 valores centrais da empresa, incluindo apostas ousadas, serem "obcecados" pelo cliente e "sempre atuarem de modo agressivo". O serviço de...