Exclusivo para assinantes UOL

História de ganenses revela os riscos em ser refugiado nos EUA e no Canadá

Catherine Porter

Em Winnipeg (Canadá)

  • Aaron Vincent Elkaim/The New York Times

    Seidu Mohammed, que perdeu seus dedos após gangrenarem pelo frio ao atravessar a fronteira entre EUA e Canadá, em Winnipeg

    Seidu Mohammed, que perdeu seus dedos após gangrenarem pelo frio ao atravessar a fronteira entre EUA e Canadá, em Winnipeg

Existem muitas diferenças entre os dois refugiados ganenses em Winnipeg, mas as mais significativas se resumem a um único polegar.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos