Exclusivo para assinantes UOL

Ao ameaçar "fogo e fúria", Trump rompe tradição de presidentes dos EUA contra Coreia do Norte

Julie Hirschfeld Davis

Em Washington

  • NICHOLAS KAMM/AFP

Quando Dwight D. Eisenhower quis forçar a Coreia do Norte a entrar em negociações para pôr um fim à Guerra da Coreia, ele enviou uma mensagem secreta para Pyongyang e Pequim ameaçando um ataque nuclear caso elas não se sentassem à mesa para negociar com Seul.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos