Exclusivo para assinantes UOL

Análise: Afeganistão é o "cemitério de impérios". E agora, EUA?

Rod Nordland

  • Christoph Bangert/The New York Times

    24.out.2010 - Engenheiros do exército dos EUA explodem casa atrás de um campo de maconha, em Kandahar, no Afeganistão

    24.out.2010 - Engenheiros do exército dos EUA explodem casa atrás de um campo de maconha, em Kandahar, no Afeganistão

Quando o escritor americano James A. Michener foi até o Afeganistão pesquisar material para sua obra de ficção histórica, “Caravanas”, era o ano de 1955 e praticamente não existiam estradas no país. Contudo, já havia americanos e russos por lá, disputando influência. Mais tarde, o protagonista afegão do livro contaria a um diplomata americano que um dia tanto os Estados Unidos quanto a Rússia invadiriam o Afeganistão, e que ambos viriam a se arrepender disso.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos