Topo

'Não sou binária': professores e estudantes defendem discussão sobre gênero em escolas dos EUA

RUTH FREMSON/NYT
Sofia Martin,18, estudante que se identifica como 'não binária', em escola em Seattle Imagem: RUTH FREMSON/NYT
Exclusivo para assinantes UOL

Zoe Greenberg

30/10/2017 00h01

Aos 15 anos, após ensaiar no chuveiro, Sofia Martin fez um anúncio aos alunos da Escola Comunitária de Puget Sound."Tenho pensado muito a respeito de quem sou", Sofia lembrou de ter dito no encontro matinal, uma assembleia d...