Exclusivo para assinantes UOL

Assassinos em massa são loucos? Geralmente não, dizem pesquisadores

Benedict Carey

  • Reprodução/Twitter

    A polícia isolou a área ao redor da Primeira Igreja Batista em Sutherland Springs, no Texas, após atirador atirar contra pessoas no local

    A polícia isolou a área ao redor da Primeira Igreja Batista em Sutherland Springs, no Texas, após atirador atirar contra pessoas no local

Se o que as pessoas fazem é um reflexo do que elas são, então Devin Kelley, que matou 26 pessoas numa igreja do Texas no domingo (5), certamente era um louco.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos