Exclusivo para assinantes UOL

Companhias aéreas dos EUA investem em spas para passageiros relaxarem

Michael T. Luongo

  • JOHN TAGGART/NYT

    Passageira repousa em uma cadeira no Asanda Spa Lounge no Delta Sky Club no Aeroporto John F. Kennedy, em Nova York

    Passageira repousa em uma cadeira no Asanda Spa Lounge no Delta Sky Club no Aeroporto John F. Kennedy, em Nova York

Há muito tempo que os spas são itens básicos de aeroportos na Europa, na ásia e, especialmente, no Oriente Médio, onde as companhias aéreas são conhecidas por sua extravagância. Mas foi só nos últimos anos que as companhias aéreas americanas começaram a adotá-los.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos