Exclusivo para assinantes UOL

Opinião: EUA não deveriam contar com militantes curdos na Síria, mas sim com a Turquia

Mevlut Cavusoglu*

Em Ancara (Turquia)

  • Nazeer al-Khatib/AFP

    29.jan.2018 - Rebeldes sírios apoiados pela Turquia marcham no norte de Azaz em ofensiva contra os curdos na fronteira de Afrin, na Síria

    29.jan.2018 - Rebeldes sírios apoiados pela Turquia marcham no norte de Azaz em ofensiva contra os curdos na fronteira de Afrin, na Síria

Os Estados Unidos estão ligados ao Oriente Médio por interesse, mas a Turquia conta com cerca de 1.300 km de fronteiras apenas com a Síria e Iraque. Nesta geografia e além, a Turquia e os Estados Unidos compartilham a meta de derrotar organizações terroristas que ameaçam nossas nações. O Daesh (nome pejorativo em árabe do Estado Islâmico) é nosso inimigo comum, e a vitória contra o grupo não teria sido possível sem as contribuições ativas da Turquia.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos