Estressado? Tente respirar fundo ou passear com o cachorro

Jeanie Tavitas-Williams

Quer saber o segredo para passar as festas serena e alegremente? Apenas respire.

Se você estiver sentado no trânsito, procurando uma vaga ou em pé numa fila interminável, Lama Surya Das diz que de cinco a 10 respirações profundas seguidas de um sorriso e um suspiro relaxante podem fazer toda a diferença.

"Esse momento de meditação instantânea transporta a pessoa do caos para dentro dela mesma, para o aqui e agora", diz ele em seu sotaque de Long Island.

Em seu site na Web (www.surya.org), Surya Das é descrito como um dos principais professores de meditação budista do Ocidente. Nascido Jeffrey Miller e judeu, ele estudou budismo por mais de 30 anos e escreveu diversos livros sobre a filosofia, que ensina, entre outras coisas, a importância do equilíbrio e da harmonia. Um conceito, diz ele, que pode ser especialmente útil durante as festas.

Seu novo livro, "Letting Go of the Person You Used to Be: Lessons on Loss, Change and Spiritual Transformation" (Como deixar a pessoa que você costumava ser: lições sobre perda, mudança e transformação espiritual, Broadway Books, US$ 26, cerca de R$ 78).

"Ter muito ou pouco de alguma coisa pode desequilibrar tudo", diz. O nome espiritual Surya Das lhe foi dado por seu primeiro guru e significa "servidor do sol", ou "discípulo da luz". Consciência é a chave para alcançar a serenidade em meio à loucura, diz ele.

"Pense sobre o que está por trás das coisas que você faz. Por exemplo, por que você procura o presente perfeito?" sugere Surya Das, acrescentando que muitos dos assim chamados presentes perfeitos acabam sendo colocados de lado ou no lixo. "Em vez disso, dê a dádiva do tempo."

Ofereça para cuidar de uma criança ou visitar alguém que está sozinho, diz ele. Cozinhe alguma coisa ou faça uma doação (em nome do presenteado) para sua obra de caridade favorita. Além disso, evite tentar ser o melhor de todos anfitriões.

"Não coloque tanta pressão sobre si mesmo para que a ceia de Natal ou o ambiente sejam absolutamente perfeitos", diz ele, referindo-se a uma certa deusa do lar. "Até Martha (Stewart) não é tão perfeita, afinal."

Para aqueles que têm a casa cheia de parentes, Surya Das sugere encontrar "a paz e tranqüilidade em meio ao caos". Isso pode significar desligar a televisão ou rádio, tirar uma soneca, marcar uma massagem ou apenas conectar-se com a natureza.

"Levar o cachorro para passear é a minha atividade predileta", diz ele. "Primeiro porque tem que ser feita, de qualquer forma, e segundo, porque me permite sair da confusão, mesmo que por apenas 30 minutos."

Assim como o exercício de 5 a 10 respirações profundas, imaginar ou lembrar de seu lugar favorito -uma praia, a cama de sua infância, o abraço da mãe- pode ser feito em qualquer lugar. Repetir um mantra ou prece para si mesmo é outra mini-meditação útil que estimula a reflexão.

Exercícios físicos, como fechar e abrir as mãos, também podem ajudar a pessoa a "voltar para o momento e concentrar-se em si mesma", diz Surya Das.

"A divina sabedoria de Buddha está em todos nós" diz ele. "Precisamos apenas explorar nossos recursos internos." Deborah Weinberg

UOL Cursos Online

Todos os cursos