Fazer uma tatuagem é parecido com se casar

Sharon Fink
St. Petersburg Times

Pense antes de tatuar.

Você entra na relação acreditando que será para sempre. Por isso, não se deve casar bêbado, ou em um impulso, ou com a primeira pessoa que aparece.

A pessoa deve ir com calma, pesquisar bem e escolher o local correto para o grande momento.

E não faz mal manter em mente uma das regras mais úteis da vida: segurança acima de tudo. Encontrar um bom estabelecimento para se fazer uma tatuagem deve ser mais fácil do que o par perfeito. Mas com tantos tatuadores abrindo lojas em toda parte, como distinguir um verdadeiro profissional de um cara cujo último trabalho foi na prisão?

Há três principais coisas a considerar: "A qualidade do trabalho, a limpeza do local e o atendimento ao cliente", disse Jim Kenney, tatuador há oito anos, sete deles na Artistic Armor Tattooing, em Tampa.

"Você definitivamente quer um bom trabalho, feito por pessoas legais, em um local limpo."

A primeira coisa a fazer é assegurar-se de que o lugar é limpo e arrumado. E se não for essa sua primeira impressão, saia.

"O que você vê na recepção é uma boa indicação do que verá nos fundos", escreve a Alliance of Professional Tattoists Inc., em seu site da Web (www.safe-tattos.com).

Se as coisas parecerem corretas, comece a fazer perguntas sobre equipamentos e procedimentos de esterilização. Pergunte especificamente se a loja tem uma autoclave para esterilizar os instrumentos. Hospitais usam autoclaves, disse Kenney, e a Artistic Armor também.

Talvez o estabelecimento use outros aparelhos para esterilização ou opte por instrumentos pré-esterilizados. Mas a Alliance of Professional Tattoists diz que a autoclave é a única forma aceitável de esterilização. Peça para ver o equipamento da loja.

O estabelecimento também precisa ter, para fins de segurança e limpeza, recipientes para descartar objetos com sangue e agulhas e pia com água quente e sabão.

Uma boa forma de avaliar os procedimentos da loja é observar o artista trabalhando e você deve receber permissão para isso (com a anuência do cliente).

"Tudo deve ser feito abertamente", disse Kenney. "Não deve haver nada escondido."

Um artista de confiança coloca luvas de látex descartáveis antes de fazer qualquer coisa. Depois ele enche de tinta nova um recipiente novo e descartável e abre um envelope selado com agulha e tubo novos, logo antes de iniciar o processo. Em sessões mais longas, ele deve trocar de luvas.

Quando o processo estiver terminado, o artista deve desinfetar a área tatuada com um produto contra vírus e dar instruções detalhadas e compreensíveis sobre os cuidados com a nova tatuagem.

Se essa descrição parecer mais medicinal e menos romântica do que você pensava, isso é bom. Deve parecer.

"É quase comparável a uma pequena cirurgia ou intervenção médica", disse Kenney.

No que se refere a escolher a tatuagem e o artista, a loja deve lhe mostrar todos os álbuns que lhe interessarem. E os atendentes devem ser cordiais, prestativos e dispostos a responder a suas perguntas. Respostas evasivas, negativas ou rudes devem ser motivo para deixar a loja.

Um estabelecimento mal escolhido pode ter uma gama de más conseqüências, desde uma tatuagem mal feita que a loja não quer refazer até uma infecção.

"Muitas coisas podem dar errado", disse Kenney. "Mas se você fizer uma boa pesquisa, terá uma boa experiência."

Dicas

Antes de fazer qualquer coisa:

  • Na Flórida, se você tiver menos de 18 anos deve ter a autorização escrita de um de seus pais antes de fazer uma tatuagem. Boa sorte convencendo seu pai.

  • Se você tiver alergia, câncer de pele, problemas de coagulação ou diabetes, converse com seu médico, que vai lhe perguntar se perdeu a cabeça.

    Outras amenidades jurídicas:

  • Na Flórida, os tatuadores não têm que ser registrados. Eles têm que trabalhar sob a "supervisão geral" de um médico ou dentista. Isso não significa que o médico tem que estar na loja. Significa que a cada seis meses ele tem que inspecionar a técnica do artista, seus procedimentos e equipamentos, e dar treinamento em controle de infecção, esterilização e procedimentos de emergência. Pergunte ao artista se as visitas do médico estão atualizadas.

    Segurança acima de tudo:

  • O estabelecimento e seus artistas devem parecer limpos e arrumados à primeira vista.

  • Pergunte como esterilizam seus instrumentos. A melhor forma é com uma autoclave, que usa uma combinação de calor, vapor e pressão para matar micro-organismos patogênicos. Você não quer esses em você. As lojas devem manter registros regulares do uso e testes da autoclave.

  • Deve haver recipientes para descarte de objetos com sangue e para agulhas, além de acesso a uma pia com água quente e sabão.

  • O artista deve usar luvas de látex o tempo todo; deve sempre abrir os pacotes com agulhas e tubos novos e estéreis na frente do cliente; e colocar tinta nova no recipiente descartável novo.

  • O artista deve dar instruções claras e detalhadas sobre os cuidados a serem tomados após a tatuagem.

    Etiqueta:

  • Todos na loja devem ser prestativos, informados e cordiais e responder a todas suas perguntas.

  • Você deve poder ver todos os álbuns do artista.

  • Antes de fazer a tatuagem, o estabelecimento deve deixar você ver os artistas trabalharem, com a permissão dos clientes. Procedimento precisa de cuidados similares aos de uma cirurgia Deborah Weinberg
  • UOL Cursos Online

    Todos os cursos