PUBLICIDADE
Topo

Opinião: Uma má decisão de negócios pode ter tornado o Boeing 737 Max vulnerável a acidentes

Imagem de arquivo de um avião modelo Boeing 737-700 da companhia Ethiopian Airlines - AFP - 28.nov.2017
Imagem de arquivo de um avião modelo Boeing 737-700 da companhia Ethiopian Airlines Imagem: AFP - 28.nov.2017
Exclusivo para assinantes UOL

Jeff Wise

13/03/2019 00h01

Trinta e duas horas depois que um 737 Max da Ethiopian Airlines caiu ao decolar de Adis Abeba, matando as 157 pessoas a bordo, as ações da empresa fabricante do avião, a Boeing, percorreram uma trajetória semelhante, baixando 12% na abertura do pregão...