Exclusivo para assinantes UOL

Censura de livro sobre amor entre judia e árabe acirra debate entre israelenses

Shmuel Rosner*

Em Tel Aviv (Israel)

  • Gil Cohen/AFP Photo

    31.dez.2015 - A escritora israelense Dorit Rabinyan posa com seu romance "Uma Barreira Viva"

    31.dez.2015 - A escritora israelense Dorit Rabinyan posa com seu romance "Uma Barreira Viva"

A escritora israelense Dorit Rabinyan tirou a sorte grande: primeiro, seu livro mais recente, “Borderlife” (Uma Barreira Viva, em português), tornou-se tema de intenso debate e controvérsia. Depois, ele se transformou num símbolo da liberdade e do progresso. E então, é claro, virou um best seller.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos