Exclusivo para assinantes UOL

Iraquianos se acostumam com uma vida de terrorismo e corrupção

Sinan Antoon

  • Hadi Mizban/AP

Enquanto crescia em Bagdá, minha parte favorita da cidade era Karrada, o bairro na margem leste do rio Tigre onde uma bomba foi detonada em 3 de julho, matando pelo menos 250 pessoas. Eu costumava ir ali com frequência para caminhar por suas ruas elegantes. A rua principal era margeada por butiques finas e lojas vendendo sanduíches e sucos frescos deliciosos. Mulheres atraentes e homens jovens bonitos andavam pelas calçadas. O ônibus me deixava perto da Praça Kahramana, que levava o nome da estátua em seu centro.

UOL Cursos Online

Todos os cursos